Caleras de San Cucao, S.A.
Caleras de San Cucao, S.A.  
 A CAL 
caleras@sancucao.flcnet.esSite MapHome
Caleras de San Cucao, S.A. ínicio > Extracção  

Extracção de mineral

Para fabricar cal, o primeiro passo consiste na extracção de mineral, neste caso concreto o calcário.

Cantera de Caleras de San Cucao, S.A. Una pala durante el proceso de extracción del mineral en la cantera de Caleras de San Cucao, S.A.

O calcário é uma rocha constituída maioritariamente por carbonato de cálcio, e encontra-se nas formações geológicas com uma natureza sedimentária. O carbonato de cálcio tem uma origem marinha, e é o resultado da sedimentação de micro-organismos no fundo dos oceanos durante centenas de milhões de anos. Estas capas sedimentares foram-se comprimindo e, sob o efeito de tensões internas, formaram maciços calcários mais ou menos aparentes em função da erosão que foram sofrindo no decorrer do tempo.

Aislamiento acústico del proceso de trituración y clasificación de Caleras de San Cucao, S.A.

Em certos calcários, o carbonato de cálcio vai associado a um carbonato de magnésio, e nesse caso fala-se de calcários dolomíticos, cuja calcinação origina a cal dolomítica, produto muito utilizado na siderurgia e na fabricação de refractários.

Uma vez extraído o mineral, antes de o calcinar e para poder realizar correctamente este processo, deve-se proceder a uma trituração e classificação adequadas, a fim de poder dispor de uma granulometria apropriada. Este processo tem muita importância para alcançar uma boa produtividade e uma boa qualidade da cal ou da cal dolomítica.

Proceso trituración y clasificación después de la extracción

© Caleras de San Cucao, S.A.